habitos-saudaveis-650x340

Você não vai discordar se eu disser que Michael Phelps é uma pessoa extremamente bem-sucedida na sua “ Única Coisa” que escolheu como sua carreira: a natação. Só aqui no Brasil, o nadador americano conquistou 6 medalhas olímpicas, 5 de ouro e 1 de prata, se despedindo das piscinas como o verdadeiro campeão que é.

Veja, o mais curioso de toda essa história é que Phelps parece não ter nascido para ser campeão.  Embora seja considerado por muitos como o maior atleta olímpico de todos os tempos, na infância, o nadador foi diagnosticado com TDAH – Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperatividade – e tem mais: uma de suas professoras chegou a dizer que ele nunca seria capaz de focar em nada.

Agora você deve estar se perguntando: ok, mas o que tudo isso tem a ver comigo e com o meu negócio? Eu explico!  Phelps é um exemplo de uma atitude extremamente simples e que pode fazer toda a diferença quando você adotá-la no seu caminho para o sucesso naquilo que você quiser alcançar: que é adotar a DISCIPLINA SELECIONADA.

O termo surgiu no livro A Única Coisa, e consiste na ideia de que uma vida disciplinada não está necessariamente ligada ao alcance do sucesso.

O segredo está em saber usar a disciplina na medida certa para construir hábitos.

Michael Phelps é, então, um exemplo bem sucedido de uso dessa teoria na prática: dos 14 anos de idade até as Olimpíadas de Pequim, em 2008, o atleta treinou 7 dias por semana, 365 dias por ano.

A escolha de dedicar uma parte de todos os seus dias para a natação partiu de uma conclusão simples: treinando também aos domingos, Phelps teria uma vantagem de 52 dias de treinamento sobre os outros competidores. Ou seja, ele  usou a disciplina direcionada para adquirir o hábito de nadar diariamente e, assim, se tornar o atleta extraordinário que é hoje.

Mas eu não quero que você, ao olhar para Phelps, se sinta distante do sonho que você quer alcançar. Ao contrario. O importante, então, é que você descubra qual é o hábito principal que está faltando em sua rotina para garantir o sucesso do seu negócio. Esqueça o mito da multitarefa e tente se concentrar em apenas uma única coisa capaz de fazer tudo acontecer como num efeito dominó..

Descobriu o que é? Agora, você precisa usar a disciplina para que o hábito seja consolidado e os resultados esperados sejam atingidos.

É preciso que fique claro para você, então, que a pergunta que vale o ouro é:

você está focado no que realmente importa?

Vamos aproveitar o embalo das Olimpíadas Rio 2016 usar outro grande atleta como exemplo para ilustrar a importância da disciplina selecionada: Usain Bolt, o maior velocista de todos os tempos, ouro também nas Olimpíadas Rio 2016.

Assim como eu e você, Bolt tem seus pontos fortes e seus pontos fracos. A mais importante entre as suas fraquezas talvez seja a largada. É o calcanhar de aquiles do atleta que não tem o tipo físico padrão de um velocista e, por isso, tem dificuldade para acompanhar os concorrentes nos primeiros metros.

Mas, para a sorte do atleta e o delírio da torcida que se encanta cada vez que acompanha uma de suas corridas, o treinador de Bolt percebeu essa fraqueza logo no início. E tomou uma decisão inteligente e o recado foi esse aqui: esquece a largada, não é isso que vai fazer você vencer. Vamos direcionar o foco – e, portanto, as energias – para aquilo que realmente pode te transformar em um campeão.

É essa a lição que gostaria que você levasse daqui hoje:

a decisão correta (foco) e as ações alinhadas (hábito) são os seus meios para conseguir resultados extraordinários.

Como explicam os autores do livro a “Única Coisa”, “nem tudo importa igualmente e o sucesso não é um jogo vencido por quem faz mais”.

Michael Phelps descobriu o que era preciso para ser o maior atleta olímpico de todos os tempos. E você, sabe qual é o hábito que pode torná-lo um empreendedor de sucesso? Você precisa responder essa pergunta para você mesmo(a).

Fonte: Impact Player

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta